quarta-feira, 29 de junho de 2011

Aprovados no Concurso para Agente Penitenciário de Pernambuco se sentem abandonados pelo Governo

É lamentável a situação vivida pelos aprovados no concurso para ASP-PE, centenas de candidatos deixaram seus empregos devido à carga horária de dois expedientes imposta aos mesmos. Agora, desempregados, eles vivem um verdadeiro pesadelo, mendigando ao governo que faça o que o Sistema Penitenciário e a sociedade precisam: a contratação dos aprovados no concurso.
Talvez por estratégia política ou descaso, mas basta navegar pela comunidade do Orkut para perceber, que "mesmo com a atual ajuda do Sindicato", o clima de insatisfação da grande maioria dos aprovados é grande em relação ao mesmo, por não ter colocado a nomeação dos mesmos como prioridade na pauta de reivindicação e ter aceitado o acordo sem cobrar a nomeação.
O Sindicato se defendeu, dizendo que quem mais lutou por esse concurso foi o mesmo e está ajudando os candidatos a conseguir que o Governo os convoque logo, mas uma coisa é certa: essa situação só serviu para desgastar e afastar a categoria, que fica magoada e dividida entre "antigos e novinhos"; onde todos sairão perdendo. 
Por Rodrigo Cézar

Um comentário:

  1. Muito BOM!!!! ESSA situação NÃO Pode Ficar Assim!!!!

    ResponderExcluir